Eu já li em vários blogs esses últimos dias sobre o classic blue ser a cor do ano eleita pela Pantone. Alguém, que não viu essas notícias esses dias, consegue saber quem são da Pantone? De onde vem? Como se alimentam? Onde vivem? Brincadeiras a parte (mais ou menos), porque deixamos que uma plataforma, norte-americana (diga-se de passagem) dite a cor que deve reger a moda brasileira?

Obviamente não estou querendo desmerecer. Mas, vamos combinar, veja comigo, hoje em dia, existem vários profissionais que estudam as cores que ficam bem nas pessoas, colorimetria e tudo mais. Então, supondo que a tal cor do ano, o classic blue, não fique bem em você, e aí? Vão existir várias e várias coleções criadas com base nessa cor, então, ferrou.

Tô aqui de mimimi também? Talvez sim. Mas tudo bem, vocês relevem. Achei a cor linda, sinceramente. Mas creio que não deveria uma cor ser tomada como base para reger um ano inteiro e inspirar centenas de coleções. E se um dia vier uma cor horrível que não combine com seu ninguém? Enfim, como aqui é um blog voltado para moda, não posso deixar de mostrar um pouco dessa cor. Mas, deixo também um pequeno protesto para todas as mulheres não se deixarem levar por tudo que a moda dita.

Na verdade, a cor do ano deveria ser a que você preferisse, ou todas elas. Tô errada em pensar assim? Se você se identificou com essa cor que estão chamando da cor do ano, não tenha medo, se jogue nela sem medo de errar. Mas, se você não gostou, se achou que não fica bem para seu tom de pele, ta tudo bem também. Existem centenas de outras cores que certamente ficarão lindas em você.

A moda pode e deve ser seguida com tamanha moderação que sua essência não fique escondida ou passe despercebida, tendeu?

Então, que rufem os tambores, e uma surra de classic blue para vocês.